0304 - Ever Fallen In Love (With Someone You Shoudn't've) - Fine Young Cannibals [1986]

Os punks também amam. Esta é a conclusão que cheguei ao ouvir um dos sucessos da banda punk britânica Buzzcocks. Uma das bandas mais importantes do movimento, idealizada logo após seus integrantes assistirem uma seminal apresentação dos Sex Pistols em Londres, os Buzzcocks fizeram muito sucesso em 1977 com a canção Ever Fallen In Love (With Someone You Shouldn't've) do álbum Love Bites.
 
Por trás daquele ar de jovem revoltado com a vida e com o mundo, havia ainda um coração pulsante, o coração de Pete Shelley, guitarrista, vocalista, líder e fundador dos Buzzcocks. Diz a história que Pete ao ver o filme Guys & Dolls (em português, Eles e Elas, musical adaptado para o cinema em 1955, estrelado por Marlon Brando, Jean Simmons, Frank Sinatra e Vivian Blaine) ficou com um determinado diálogo romântico gravado na memória e que depois o inspirou a compor Ever Fallen In Love (With Someone You Shouldn't've).

Ao ouvir uma música punk é esperado associarmos seu conteúdo a problemas sociais ou a protestos políticos anárquicos sem causa. Mas esta letra de Pete Shelley é diferente de todo este conceito. Ela é digna de refrão de bolero; uma tremenda dor de cotovelo que só comprovam que os punks também amam (e podem até sofrer por amor bem ao estilo deles)...


Dos diversos covers gravados para esta canção, podemos destacar a gravação feita pelo cantor americano Pete Yorn, que acabou entrando para a trilha sonora do filme Sherek 2, como também, a versão meio bossa meio jazz feita pelo grupo francês Novelle Vague para o seu disco Bande À Part de 2006. Mas, em minha opinião, a melhor versão de Ever Fallen In Love (With Someone You Shouldn't've) foi feita pelo grupo inglês Fine Young Cannibals, até mesmo porque ela foi gravada especificamente para a trilha sonora de um dos filmes mais legais da década de 80: Totalmente Selvagem.

Totalmente Selvagem (ou Something Wild de 1986), estrelado por Melanie Griffith (muito linda neste filme), Jeff Daniels e Ray Liotta, conta a estória de uma garota excêntrica meia amalucada (Melanie) que rapta um jovem executivo (Jeff), levando-o numa viagem sem destino. No começo da viagem, ele fica relutante, mas ao poucos, sendo seduzido pelo charme da moça, acabam se apaixonando. Porém, os problemas começam quando o ex-marido da garota (Ray Liotta), um homem violento que havia sido libertado da prisão, reaparece e quer reatar o relacionamento com sua ex-esposa.

Voltando a cover de Ever Fallen In Love (With Someone You Shouldn't've), ela vai bem a calhar com o enredo do filme – assistindo o filme compreenderás que, às vezes na vida, pode acontecer coisas malucas ao se apaixonarmos pelas pessoas “erradas”. Com a versão, o Fine Young Cannibals alcançou o 9º lugar das paradas de sucesso britânicas em 1986. Logicamente, essa versão não possui o mesmo senso de urgência e velocidade que original, mas ela foi muito bem adaptada para o filme e para os anos 80 – a era dos teclados, baixo elétricos tocados de forma ritmada com as batidas dançantes dos sintetizadores e dos bons filmes...


Persiolino

2 comentários:

  1. Preciso ver este filme - se já vi, não lembro nada dele.
    A cover ficou muito diferente... mas não gosto do jeito de cantar desse vocalista, então não curti muito, não rs.

    ResponderExcluir

Comente aqui!!!