0289 - Single Ladies (Put a Ring on It) - Sara Bareilles [2010]

Uma das músicas mais chatas da década passada, Single Ladies (Put A Ring On It), de Beyoncé, foi um estrondoso sucesso. É claro que o videoclipe ajudou muito: além das inúmeras paródias (sendo que a do Saturday Night Live se tornou a mais marcante - e superior ao clipe, diga-se), faturou o MTV Video Music Awards (VMAs) de video do ano.

A bíblia do rock Rolling Stone chegou a nomeá-la melhor canção de 2008.


Longe de ser original, a coreografia foi "inspirada" em Mexican Breakfast, de Bob FosseSinceramente, é claramente um plágio, mas hoje em dia as pessoas preferem os termos "homenagem" e "inspiração", ainda mais quando se trata de uma artista bilionária que vende muito e está em todos os lugares.

Por isso prefiro a paródia protagonizada por Andy Samberg, Justin Timberlake e Bobby Monahan (e participação especial de Paul Rudd).


Mas eis que um dia, escutando a Eldorado FM por acaso, uma versão surpreendente de Sara Bareilles entra na playlist. Como já aconteceu/acontece com muitos ouvintes, não consegui saber que a cover havia sido feita por essa artista, mas ao recorrer ao Google, meus problemas acabaram.

Sara não é apenas uma cantora, compositora e pianista: ela faz parte do juri do reality show norte-americano The Sing-Off, da NBC. Trata-se de uma competição entre grupos a capella, com muita gente talentosa se apresentando. Além dela, Ben Folds (sim!) e Shawn Stockman (do Boyz II Men) ajudam a escolher os classificados para as próximas etapas. O curioso é que Sara entrou no programa no lugar de Nicole Scherzinger, daquele grupo ridículo chamado Pussycat Dolls. Não dá nem para comparar o nível das duas!

Mas voltando à ótima versão de Single Ladies, ela foi gravada para o Mashup Mondays, da Billboard. Ao final do video, Sara explica que gosta da música, mas que quando vai escolher alguma cover, prefere reinterpretá-la completamente. E como ela mesma disse, ficou muito "fofo" ouvi-la cantando "Cuz if you liked it then you should have put a ring on it" com arranjo de piano, violão, baixo e percussão.

E com isso, chego à conclusão de que quando se gosta demais de uma cover feita por um artista o qual pouco se conhece ou até mesmo se desconhece, ouvir seus próprios trabalhos é o próximo passo. Afinal, foi assim comigo em relação ao Avett Brothers, Mumford and Sons, Dawn Landes e Jamie Cullum - e parece que vai acontecer o mesmo em relação a Sara Bareilles. 


Anômima

Um comentário:

Comente aqui!!!